Diocese de Uberlândia Em Destaque

Ato de consagração ao Espírito Santo

No final do Sínodo para a Nova Evangelização, em outubro de 2012, alguns bispos, considerando ser o Espírito Santo o protagonista principal de toda a ação evangelizadora da Igreja, pediram ao papa Bento XVI a consagração do mundo ao Espírito Santo.

batismo-frame
O cristão é batizado também no nome do Espírito Santo, quando somos a Ele consagrados inteiramente.

Jesus, em Sua oração sacerdotal, pede ao Pai em nosso favor ‘santifica-os na verdade’ (Jo 17, 17). Em que consiste este ‘santifica-os’?  Santificar, em seu sentido primitivo, é consagrar, colocar à parte, separar, para uma função sagrada. Por força do nosso batismo, fomos consagrados ao Espírito Santo para sermos missionários da boa nova de Jesus Cristo, Aquele que se santificou por todos nós, ‘santifico-me por eles para que também eles sejam santificados pela verdade’ (Jo 17, 19). Uma coisa é ser consagrado ao Espírito Santo e outra é viver esta consagração. Hoje, se perguntarmos: ‘Recebestes o Espírito Santo, quando abraçastes a fé?’, é certo que ouviremos de muitos batizados em nome do Senhor Jesus: ‘Não, nem sequer ouvimos dizer que há um Espírito Santo’.

A situação em que se encontra uma parcela considerável de cristãos é mais crítica do que daqueles discípulos em Éfeso que haviam recebido tão somente o batismo de João. O Espírito Santo vive em cada batizado, mas Ele é conforme as palavras da beata Elena Guerra, ‘um doce desconhecido’. A consciência do Espírito Santo, de sua presença amorosa, do seu agir em mim, na Igreja e no mundo, traz uma novidade de vida a qual desejamos partilhar com os outros e isto nos lança com empenho na obra da evangelização. Viver a consagração ao Espírito Santo é vida na Sua presença. É estar cônscia de que o Espírito Santo está comigo para que eu realize ‘as boas ações, que Deus de antemão preparou para que nós as praticássemos’ (Ef 2, 9), em Jesus Cristo.

Ser despertada para a pessoa do Espírito Santo em mim foi a maior das graças que me aconteceu nestes últimos vinte e quatro anos da minha existência. Assumir minha consagração ao Espírito Santo tem sido o grande desafio de cada dia. O ato de me consagrar diariamente ao Espírito Santo me recorda a cada manhã: Eu não estou só. O Espírito Santo está em mim e com Ele eu avanço decididamente ‘rumo ao prêmio celeste, ao qual Deus nos chama, em Jesus Cristo’ (Fil 3, 14).

______________

Por, Ana Neucele

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!