Diocese de Uberlândia Em Destaque

"Foi muita benção para uma pessoa só", afirma Pe. Olimar Rodrigues pelos 15 anos à frente da Catedral

Em mensagem destinada aos fiéis da Catedral Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, igreja-mãe da Diocese de Uberlândia, Pe. Olimar Rodrigues dirigiu-lhes palavras de agradecimento nesse domingo (29).

10394507_540860989370538_3577492417783907685_n

Natural de Araguari-MG, Pe. Olimar foi ordenado no dia 24 de janeiro de 1992 e há 15 anos, 4 meses e 23, como ele mesmo precisou em sua mensagem, esteve à frente das atividades apostólicas da Igreja Catedral da Diocese.

Segundo o presbítero, com a sua transferência para a Paróquia São Judas Tadeu no próximo dia 06 de julho, a Igreja apontou-lhe uma nova missão, a qual ele, com convicção de que a Igreja, assim como sua vocação, são as razões de sua vida, disse sim.

A respeito de seu múnus de pároco da Catedral, o religioso afirmou que este foi um tempo precioso em sua vida, apesar de reconhecer com serenidade de que não era o padre ideal para a função de cura: “mas ao mesmo tempo eu sabia que sempre podia fazer mais e melhor para o bem do rebanho do Senhor”, afirmou.

Como principal fruto do seu apostolado, reconheceu o amor que havia em si mesmo pelos seus paroquianos: “ao agradecer por todo carinho, afeto e atenção que experimentei na comunidade paroquial da Catedral, só posso dizer-lhes que os amo muito”, garantiu.

Por fim, pediu aos fiéis que rezassem por ele: “rezem por mim, para que eu não decepcione o rebanho a quem sou enviado. Eu os amo com o amor do altar. Um beijo no coração”, finalizou.

Confira abaixo a mensagem na íntegra

[box type=”error”]

O tempo de graça que me foi concedido pelo Senhor, como pároco da Catedral acabou! “Mas foge, entretanto, foge o irreparável tempo”!. 15 anos, 4 meses e 23 dias são “zipados” em saborosas lembranças que a partir de agora, reviverão em saudades!

Mais uma vez, na minha vida, a Igreja me diz um basta e aponta-me uma outra direção; uma outra missão; um outro rebanho. Tive sempre a convicção de que Cristo e a Igreja são as razões de ser da minha vida: sou deles, só deles, para sempre trabalhando para eles.

Ser pároco da Catedral foi um tempo precioso em minha vida. Os fiéis, crianças, idosos, jovens e adultos foram caridosos em acolher-me nas minhas limitações. Todo o povo, sempre muito bom, só me trouxe alegrias novas e vontade de trabalhar, de rezar mais e melhor. Parto para uma nova missão, com seus apelos, com suas esperanças, com seus mistérios e com suas surpresas. Deixo-os com serenidade e com a certeza de que fiz tudo o que me foi possível, dentro dos meus limites, pelo bem da Catedral, de todos e de cada um.

Meu primeiro agradecimento é a Deus que me concedeu na sua bondade esses preciosos quinze anos de graça junto ao povo da Catedral. Foi muita benção para uma pessoa só. Quanta alegria experimentei em ser sacerdote de Jesus Cristo no meio de vocês! Foi um tempo muito bom! Agradeço a vocês que me aceitaram nas minhas limitações.

Tive sempre a serenidade de reconhecer que eu não era o padre ideal que vocês mereciam. Mas, ao mesmo tempo, eu sabia que sempre podia fazer mais e melhor para o bem do rebanho do Senhor. Ao agradecer por todo carinho, afeto e atenção que experimentei na comunidade paroquial da Catedral, só posso dizer-lhes que os amo muito. Muito mesmo!

Tenho-os todos no coração! Rezem por mim, para que eu não decepcione o rebanho a quem sou enviado. Eu os amo com o amor do altar. Um beijo no coração! Recebam a minha benção. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, amém.

Pe. Olimar Rodrigues.

[/box]

Confira algumas mensagens dos fiéis paroquianos postadas na fanpage da Catedral

[box]

“Que Deus continue iluminando sempre sua vida, grande Pastor, amigo, irmão. Sentiremos muita a sua falta, mas não o abandonaremos. Deus te abençoe.” Juliana Camargo.

“Parabéns, Padre Olimar, pelo grande trabalho na catedral. Temos muito que agradecê-lo”. Valéria Santos

“Pe. Olimar, que Deus ilumine cada passo seu! Só deixará saudade”. Piedade Calixto

“Pe olimar que Deus ilumime todos os caminhos do senhor”. Romildo Carmo

“Nossa, vai deixar muita saudades ao mesmo tempo vai ser ótimo para onde ele for”. Tânia Maria

“Estamos muito ansiosos para sua chegada aqui na São Judas”. Daniela Freitas

“Será muito bem vindo a São Judas Tadeu” Tiago Prado

“Presente… Homem de Fé. Caridoso… De um coração maior que tudo, onde acolhe calorosamente a todos. De palavras firmes… De sabedoria. Sua história estará marcada para sempre na Catedral. Agora uma nova fase que também será de muito valor para a comunidade da São Judas Tadeu. Deus o abençoe hoje e sempre,  Pe. Olimar Rodrigues” Rosângela Beluxe

[/box]

 

2 comentários

Clique aqui para postar um comentário

  • MUITAS BENÇÃO, MUITA SAUDADES, MUITAS ALEGRIAS, PARABENS PE OLIMAR POR SUA DEDICAÇÃO A CATEDRAL, E QUE DEUS TE ABENÇOE A ONDE FOR DEIXARAR MUITAS BENÇAO – JUNIOR EX MINISTRO DA EUCARISTIA

  • Padre Olimar, tenho certeza que o Senhor Deus te envia a uma nova comunidade, pois Ele tem as suas razões. Os paroquianos da São Judas muito terão a somar com a sua presença amiga, acolhedora e responsável! Há 14 anos fiz minha primeira eucaristia, já adulta, na Catedral com o senhor ,Padre, e mesmo com tantos revezes em minha vida consegui retornar á fé e ao amor do Pai. Sinto-me tocada com as suas homilias e seus ensinamentos. Sua retidão. Hoje pertenço á Comunidade São Geraldo e sou legionária junto á irmã Aparecida e o Padre João Carlos.
    A saudade com certeza rondará os corações dos paroquianos da Catedral e do senhor. Mas alegria, pois uma nova missão é sinônimo de confiança. Vai com Deus, Pe. Olimar, e, vai dar tudo certo, o senhor vai conquistar ainda mais corações para Jesus.
    Suellen.

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!