Colunistas Destaque

Força, compromisso e ternura da Mulher, por Magda Melo

Força, compromisso e ternura da Mulher

Magda Melo

 

O Dia Internacional da Mulher é tempo adequado para se voltar a pensar, refletir sobre esta metade da humanidade da qual faço parte e que a partir do acordar da consciência histórica das mulheres, está se operando uma mudança qualitativa na humanidade.

A mulher por ser discriminada não somente sexualmente, mas, em todas as dimensões, é que sofrem as maiores consequências, assim, tem procurado ocupar seu espaço na proporção em que é discriminada, excluída, marginalizada. Todo preconceito de qualquer natureza ele existe por falta de conhecimento, ouvimos por aí e não buscamos saber a verdade.

E, devo confessar que nos tempos em que vivemos, enquanto todo mundo olha para a mulher com esperança ou desprezo, curiosidade ou temor, eu olho para mim mesma, para a mulher que sou, com sentimento de tremenda responsabilidade.

É extraordinária a defesa que Jesus faz de Maria de Magdala, o ato dela é de uma ternura, sensibilidade e carinho: o perfume, o cabelo, os pés, os beijos. E a defesa de Jesus Cristo: “Deixai-a em paz: ela fez uma coisa bonita!”. Ela foi sensível a beleza e assim fazendo ela descobriu a vida.

Por isso escolho hoje duas palavras: mistério e cuidado, para refletir sobre esse ser que somos, que Deus teve a graciosa inventividade de fazer capaz de gerar outro ser em suas entranhas e que desde aí povoa o mundo brincando de ser frágil, mas, na verdade, sendo a única força verdadeira de toda a vida humana.

Neste Dia Internacional da Mulher, agradeço a graça de ser Mulher, proclamo a beleza de viver como tal e desejo que juntas entre nós e com os homens que desejamos irmãos e companheiros, não rivais nem inimigos, possamos construir uma terra mais habitável, com uma ética de cuidado e uma espiritualidade de beleza, ternura e compaixão.

E neste oito de março de 2021, diante de tanta atipicidade temos que dar as mãos mulheres e homens e nos unirmos diante desse imenso inimigo, o vírus invisível, o corona vírus que nos adoece com a covid-19, e tem levado a morte milhares de pessoas causando-nos dor inimaginável, faltas insubstituíveis. Vacinar é fundamental, ser consciente no uso dos meios, máscara, álcool em gel e principalmente estarmos comprometidos com a vida. E, com mais intensidade precisamos amar, respeitar e cuidarmos uns dos outros.

A mulher tem força e sonhos, determinação, compromisso, muita fé na vida, e ternura no olhar e nas atitudes. São solidarias e merecem viver e amar como todos os outros seres humanos do planeta.

Mulheres,

Força, garra, fé, esperança, amor, compromisso e ternura

Feliz Dia Internacional da Mulher!

Beijo no coração.

*O artigo apresentado é de responsabilidade da autora.

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!