Diocese de Uberlândia Em Destaque

Nota de Pesar pelo falecimento de dom Roque Opperman

“Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos um lugar. E quando eu for, e vos preparar um lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também” (João 14, 2-3).

IMG-20140427-WA0003

Recebemos com pesar, ao mesmo tempo em que com firme esperança e fé na Ressurreição – graças àquEle que abriu para nós o caminho da vida plena, o Primeiro Ressuscitado do Pai -, a notícia do falecimento de S. Ex. Revma. DOM ALOÍSIO ROQUE OPPERMANN, bispo emérito da Arquidiocese de Uberaba-MG, nossa sede provincial.

A Diocese de Uberlândia se solidariza com toda a Arquidiocese de Uberaba, nossa irmã, com seus fiéis ordenados e leigos, bem como com os parentes e amigos de Dom Roque Opperman, por quem elevamos calorosas preces ao Pai sob a eficácia da oração do Filho na força do Seu Espírito.

A todos, encorajamos a serem fortes na dor, na certeza de que “nossa vida está escondida com Cristo em Deus” (Cl 3,3).

Na Oitava da Páscoa do Senhor,

Uberlândia-MG, 27 de abril de 2014, Festa da Divina Misericórdia

CCD – Centro de Comunicação Diocesano

[box type=”note”]

DOM ALOÍSIO ROQUE OPPERMANN

6º Bispo e 3º Arcebispo de Uberaba – Arcebispo Emérito

Data de Nascimento: 19/6/1936
Data da Profissão Religiosa: 02/02/1956
Data de Ordenação Presbiteral: 29/06/1961
Data de Ordenação Episcopal: 21/04/1983
Data de Falecimento: 27/04/2014

Dom Roque nasceu em 19 de junho de 1936 na cidade de São Vendelino- RS. Fez seus estudos de Filosofia no convento da Congregação do Sagrado Coração de Jesus, em Brusque-SC. Cursou Teologia em Taubaté-SP, onde foi ordenado padre em 29 de junho de 1961 pelas mãos de Dom Francisco Borges do Amaral. Na Congregação SCJ especializou-se em Orientação Educacional, Biologia e Pastorais Eclesiais. Exerceu importantes cargos como Reitor de Seminário e Educador do Instituto dos Meninos de São Judas Tadeu e do Orfanato São Judas, em São Paulo, pároco em Curitiba-PR, e em Varginha-MG.

Foi nomeado primeiro bispo de Ituiutaba-MG, a 2 de fevereiro de 1983, onde recebeu a ordenação episcopal a 21 de abril de 1983. Primeiro bispo de Ituiutaba-MG, exerceu seu ministério episcopal por seis anos (1983-1988), Bispo de Campanha-MG por sete anos (1988-1996) e nomeado Arcebispo de Uberaba-MG em 1º de maio de 1996. Foi coordenador da Comissão de Liturgia do Leste II por cinco períodos e membro do Conselho permanente da CNBB.

Nos seus 16 anos de episcopado na Arquidiocese Dom Roque valorizou os meios de comunicação, ampliou o número de paróquias e do clero, além da valorização dos grupos de reflexão. Retornou o Seminário de Teologia para as suas origens no prédio ao lado da paróquia do Santíssimo Sacramento. Criou o Seminário de Filosofia Nossa Senhora da Abadia, o Tribunal Eclesiástico Interdiocesano e instituiu os Diáconos Permanentes. Incentivou os Grupos de Reflexão em toda a Arquidiocese, inclusive com a confecção de material próprio: o Caderno Popular. Outra realização foi as Santas Missões, fruto dos planos pastorais. As Leigas Consagradas também tiveram em Dom Roque um porto seguro com a elevação a Instituto, esteve a frente das comemorações do Centenário da Arquidiocese. na área de Comunicação Social conseguiu um espaço semanal na Rede Vida para veiculação dos acontecimentos de nossa arquidiocese a nível nacional e criou uma Assessoria de Imprensa, sendo que com ela veio Rádio Metropolitana, o jornal com o mesmo nome e a presença permanente da Igreja Particular de Uberaba de Dom Roque como articulista de jornal, e ainda, publicou oito livros, sendo o último Flashes da Vida de um Bispo.

Fonte: arquidiocesedeuberaba.org.br

[/box]

1 comentário

Clique aqui para postar um comentário

  • Fiquei muito triste com a morte de nosso querido Dom Aloísio Roque Oppermannn, pois sempre mantive grande admiração pelo seu “performance” de religioso dehoniano, seu afeto ao Sagrado Coração de Jesus, de presbítero e de bispo. Por sua vez, fiquei alegre, pois significa que será premiado por Deus com a coroa gloriosa que Deus dá aos que lhe são fiéis. Devemos imitar suas virtudes para que sejamos bons sempre. Convivemos muitos anos na congregação do Sagrado Coração de Jesus e estive com ele na beatificação de Nhá Chica, em Baependi – MG. Na oportunidade tivemos uma boa conversa em que demonstrou-se muito contente com o evento, por termos uma beata de Minas Gerais, terra amada por ele.
    Ao nosso querido Dom Aloísio, muita Paz junto a Jesus e Pe. Dehon.
    Pe. Sílvio Firmo do Nascimento
    Ibituruna – MG, Diocese de São João del-Rei

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!