Colunistas Destaque Destaque2 Em Destaque

Reflexão (03/06), por Monsenhor Paulo Daher

7ª Semana da Páscoa | Sexta-feira
03/06/2022

Em João 21, 15-19, Jesus depois da refeição perguntou três vezes a Pedro: “Tu me amas?”
O apóstolo depois da terceira vez responde: “Tu, sabes tudo.
Sabes que eu te amo.” E Jesus lhes diz: “apascenta minhas ovelhas, meus cordeiros.” E prevê a morte de Pedro.
Enfim disse-lhe:” Segue-me.”

Foi uma oportunidade depois de sua ressurreição, aparecendo aos apóstolos na praia, que Jesus após mais um milagre na pescaria, aproveita para levar Pedro numa forma toda própria do Senhor, a reparar o gravíssimo pecado: negara três vezes que conhecia o Mestre.

Agora dá-lhe oportunidade de compensar o mal feito e publicamente demonstrar que seu frágil amor, vacilara então. Agora chega a se incomodar: três vezes, Senhor, me perguntas?

Segue a mais inaudita decisão: antes tinha-lhe dito que seria o chefe de sua Igreja:
Tu es Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja.(Mt 16,18).
E agora? Que há de dizer a este que pecou tão gravemente? Apascenta meus cordeiros, apascenta minhas ovelhas…
Deus não volta atrás em suas decisões… Porque ainda dirá: Eu estarei com vocês todos os dias(Mt 28,20)

O perdão e a misericórdia de Deus são diferentes de todos os nossos perdões.
Para nós, às vezes, o perdão é uma palavra do momento de voltar a estar com a pessoa que nos ofendeu, e pronto.

Para Deus, Ele risca da página de nossa vida a ofensa para sempre. Reescreve a palavra, a ação e a promessa dele que nunca volta atrás:
Eu te amo…

Sabemos do sofrimento de muito pai, muita mãe, que espanta que os conhece, de aceitar de volta um filho ou filha que feriu seus corações. E alguns ainda repetem a mesma ingratidão…

É muito difícil principalmente para uma mãe que carregou este filho ou filha durante nove meses com tanto amor, risca-los de sua vida…

É carne de sua carne, é fibra de seu coração sempre.
Deus é assim e muito mais, pois dá sempre novas oportunidades ao ingrato. E muitos deles se tornaram santos de nossa Igreja.

Cristo vive e é o Senhor!

Monsenhor Paulo Daher (falecido em 2019)

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!