Destaque Destaque2 Em Destaque

Reflexão (04/02/24) Monsenhor Paulo Daher

5º Domingo do Tempo Comum
04/02/2024

confiada?
Em Marcos 1, 29-39, o Jesus foi à casa de Pedro. Curou a sogra. À tarde muitos doentes vieram ter com Jesus e Ele curava a todos, De madrugada foi rezar em lugar deserto. Depois foram procura-lo E Jesus andava por toda a Galileia. Ensinando e curando.
Deus nos fez perfeitos, mas frágeis de corpo e espírito. Mas nós queremos que nossa saúde sempre nos ajude em tudo o de que precisamos.
E quando para nosso viver ocorre qualquer doença, mesmo física, sempre buscamos curar-nos porque com saúde sentimo-nos melhores.
Os doentes pois procuram o médico para curar sua enfermidade.
No tempo de Jesus, como em muitos lugares do mundo, as pessoas procuram ter saúde e se estão enfermas recorrem aos meios que tem para recupera-la.
Por esta necessidade natural, as pessoas enfermas que souberam que Jesus curava qualquer doença, iam procura-lo. Era o chamariz. A eles e a todos os que já conheciam Jesus, o Senhor falava do reino, do caminho da verdadeira felicidade.
Assim pela cura física muitos se curavam espiritualmente também. Alguns acabavam seguindo Jesus como seus discípulos, outros voltavam para sua cidades e casas, tocados pela graça de Deus e proclamando a chegada do reino de Deus por Jesus, o Salvador esperado.
Os evangelhos escrevem sobre quem era Jesus e o que falava e fazia. Assim como pois nós hoje podemos conhece-lo lendo os evangelhos, no tempo de Cristo as próprias pessoas que tinham encontrado com Jesus iam falando para todos o que tinha visto e ouvido.
Se entramos num lugar de festa, alegramo-nos com todos. Se vamos a um enterro, nossa postura é de respeito pelos parentes vivos. Se entramos numa igreja bonita, logo começamos a orar. Se vemos doentes na UTI de um hospital sentimo-nos quase meio doentes também.
Quando as pessoas sabiam que Jesus estava por ali corriam na alegria de cura de suas doenças ou para se encantar com sua pessoa e obter também milagres de cura.
O que eu sinto quando estou numa igreja? Que penso quando recebo uma notícia alegre que pedi a Deus. Como estou quando o médico tira minhas dúvidas e diz que está tudo bem comigo?

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!