Destaque Destaque2 Em Destaque

Reflexão (10/03), por Monsenhor Paulo Daher

1ª Semana da Quaresma | Quinta-feira 10/03/22

Em Mateus, 7, 7-12, o Senhor diz aos apóstolos: peçam e lhes será dado. Procurem e acharão. Batam e a porta lhes será aberta. Quem pede, recebe. Quem procura, encontra, e a quem bate à porta, lhe será aberto. Se vocês sabem dar coisas boas a seus filhos, muito mais o fará o Pai dos céus a quem lhe pedir. O que vocês querem que os outros lhes façam, façam vocês também a eles.

Jesus é prático e direto porque tem tudo em suas mãos. É uma qualidade divina a segurança pessoal e confiança nos outros.

Seu fundamento é a esperança, dom divino, que nos faz confiar no poder e misericórdia de Deus que não falha e sempre está disposto apesar de nossas dúvidas e fugas.

A figura humana de Jesus assumindo nossa vida pessoal, convivendo em família, participando com todas as pessoas que encontrava, dá-nos a certeza visível: Deus é assim! Tenho de acreditar que seu amor quer e pode tudo pelo nosso bem.

Nossa vida seria diferente se: encontrássemos o que estávamos procurando; se ao bater na porta chamando, ela logo se abriria e nos sentíssemos acolhidos por quem amamos; se ao pedir algo de que precisamos já o víssemos nas mãos estendidas da pessoa que nos acolhe com carinho.

Jesus nos olha de frente e sinceramente e de verdade afirma: o Pai do céu vai dar mais do que vocês estão pedindo. Pois ele vê mais longe, e sabe que vocês não pedem o que mais precisam.

Muitos santos tinham uma intimidade tal com Deus, viviam sempre em sua presença, que de seu coração subiam por tudo e em todos os momentos louvores ao Senhor.

Durante o dia obrigações nos ocupam a mente e a presença, e não dispomos de tempo para estar a sós com Deus, mas nossa mente pode estar ligada a Ele, sem faltar ao que devemos fazer.

Jesus lembra: como Deus se ocupa conosco com atenção e carinho, devemos ter essa atenção com todas as pessoas com quem lidamos.

É bom para todos serem bem tratados quando procuram alguém por amizade ou por necessidade. E há pessoas que aflitas se preocupam quando precisam de algo pensando: como serei atendido?

Gentileza não dói nem arranca nada de nós mas cativa a todos.

Cristo vive e é o Senhor!

Monsenhor Paulo Daher (falecido em 2019)

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!