Colunistas Destaque Destaque2 Em Destaque

REFLEXÃO (29/07), POR MONSENHOR PAULO DAHER

17ª Semana do Tempo Comum | Santos Marta, Maria e Lázaro | Sexta-
29/07/2022

Jesus disse que iria ver Lázaro que estava dormindo.
Chegando lá, Marta veio recebe-lo dizendo que se Jesus tivesse vindo antes, Lázaro não teria morrido.
Jesus afirma: Você acredita que Eu sou a ressurreição e a vida?
Marta responde: “Sim Senhor.”
Mandou chamar Maria. Chegando esta, chorando, Jesus se sentiu comovido. Foram até ao sepulcro. Jesus diz: “Tirem a pedra .”
Disse Marta: “ele já está morto a quatro dias. “
Jesus vta a dizer: “Se acreditas verás a glória de Deus.”
Tiraram a pedra. Jesus louvou ao Pai e disse: “Lázaro vem para fora.
“O morto saiu atado de mãos e pés. Jesus o entregou a suas irmãs.
As pessoas que estavam ali acreditaram nele.

Muitas lições aprendemos desse momento da vida de Jesus. Sua decisão de ir até o fim com sua missão.
Outra lição é a sensibilidade de Jesus, manifestada em sua humanidade.
Jesus nunca é indiferente à dor das pessoas. Terá a sua maneira de manifestar.
Às vezes encontramos pessoas catódicas que pela morte de uma pessoa muito querida, pare em não acreditar na vida eterna. Algumas se desesperam e dizem coisas que parece que nem tem fé.

Devemos manifestar sim, nossos sentimentos nesta hora, porque de fato, sentimos a falta que a pessoa vai fazer e o muito que fez por nós durante a sua vida. Mas devemos sempre nos lembrar que está nas mãos de Deus,
embora nosso desejo era tê-la mais tempo conosco. Principalmente se foi uma pessoa muito boa e que nos ajudou muito.
Agora vai poder ajudar mais ainda estando tão perto de Deus.
Seu amor continua. Nada diminui. Só aumenta porque vê melhor as necessidades por que passamos e junto de Deus intercede por nós.

Cristo vive e é o Senhor!

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!