Destaque Destaque2 Em Destaque

Reflexão do Monsenhor Paulo Daher para o dia 08/02/

5ª Semana do Tempo Comum | Quinta-feira
08/02/2024

Em Marcos 7, 24-30, Jesus foi a região de Tiro e Sidônia, mas não queria que o soubessem. Uma senhora veio pedir-lhe a cura de sua filha. Jesus respondeu-lhe que não era bom tirar o pão dos filhos para dar aos cães. E a senhora respondeu que sim, mas que os cachorrinhos também comiam das migalhas que caíam da mesa dos filhos. Jesus elogiou sua fé e curou a menina.
Algumas vezes Jesus saía da região onde moravam judeus. Mesmo assim muitos já sabiam quem Ele era e o que fazia pelas pessoas.
Assim chega a esta região fora da Palestina. Esta senhora fenícia vem pedir-lhe a cura de sua filha. Jesus a tratou com certa rudeza. Mas era um modo de provar sua fé. E teve boa resposta.
Já ainda durante seu trabalho apostólico Jesus não se recusava a atender quem quer que fosse. Começou assim a mostrar claramente que viera para o bem de todas as pessoas de todas as raças e línguas.
É isto o que significa a palavra com que definimos também a Igreja de Cristo: católica, isto para todos e em todos os lugares.
Jesus veio ao mundo, embora nascendo na Palestina, para salvar todas as pessoas de nossa terra. É o que dirá ao se despedir dos apóstolos quando subiu aos céus: Vão por todo o mundo anunciem o evangelho. Quem crer será salvo.(Mt 28, 19)
O que aconteceu com esta mãe aflita às vezes acontece conosco também. Procuramos seguir o que Cristo pede de nós. Não somos perfeitos, mas confiamos na misericórdia de Deus em relação à nossa vida.
Às vezes ou não, temos resposta do que desejamos ou pedimos a Deus, e até a “resposta” que supomos ser faz-nos sofrer. Ou ainda pedimos, esperamos e não temos resposta alguma. Ou pensamos tê-la da parte de um padre ou de uma pessoa muito católica e alguém de quem nem pensamos que Deus possa falar por ela, é ela mesma que vem com a resposta de Deus.
No livro dos Números c. 22 lemos que Balaão ia ter com o chefe dos moabitas. Indo montado numa jumenta ao encontro dos moabitas apareceu-lhe um anjo de Deus para impedi-lo e até mata-lo. Mas só a jumenta viu o anjo e por três vezes desviou-se dele e apanhou vergastadas de Balaão por desviar-se do caminho. E a mula falou reclamando por ele ter batido nela. Foi então que Balaão viu e ouviu o anjo do Senhor com o recado que Deus lhe mandava.
Deus pode mandar quem Ele quiser para atender ao que lhe pedimos.

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!