Destaque Destaque2 Em Destaque

VIA-SACRA, COM CRISTO SEU CAMINHO PARA O CALVÁRIO

Via-Sacra, com Cristo seu caminho para o Calvário

Monsenhor Paulo Daher

Rezar esta breve Via-Sacra pode nos ajudar durante a Quaresma a qualquer hora e lugar.

1ª. Est.:Jesus condenado à morte
– Nem sempre nossas atitudes são compreendidas. Importante é que Deus nos compreenda e nos aceite.
Ref.: Nós vos adoramos e vos bendizemos, porque pela vossa santa Cruz remistes o mundo.

2ª. Est.: Jesus recebe a sua e a nossa Cruz
– A vida‚ cruz, sofrimento, responsabilidade. Mas se aceitamos como caminho de participação para o bem dos outros torna-se leve.

3ª. Est.: Jesus cai pela
1ª vez – Nem sempre nossos passos são firmes. A estrada que nos conduz a Deus e aos irmãos‚ cheia de dificuldades , tropeços. Caímos. Mas é preciso seguir em frente.

4ª. Est.: Maria vem ao encontro de Jesus
– O SIM de Maria, no momento feliz da Anunciação quando recebeu o Filho de Deus como seu Filho, se colocava nas mãos de Deus para outros momentos menos felizes. Sejamos fiéis nas horas de sofrimento também.

5ª. Est.: – Cirineu ajuda Jesus a levar a cruz
– Na vida encontramos quem possa ajudar-nos. Estejamos sempre dispostos também a ajudar quem precisa de nós.

6ª. Est.: – Verônica enxuga o rosto de Jesus. – Quando com nossa ajuda renovamos o rosto desfigurado de pessoas discriminadas, logo se nos revela o rosto de Cristo em nosso irmão.

7ª. Est.: – Jesus cai pela 2ª vez
– A vida humana é cheia de problemas para nós e para muitas pessoas. Reconheçamos esta condição, levantemo-nos confiantes e demos também a mão para os que caem a nosso lado, sem desprezá-lós.

8ª. Est.: – Jesus consola as senhoras que choravam por ele
– Nosso coração está ficando insensível diante do sofrimento dos outros. Reavivemos em nós a compaixão pelos que sofrem para que sintam nosso apoio fraterno na hora da dor.

9ª. Est.: – Jesus cai pela 3ª vez
– Paramos mais que caminhamos. Os atrativos da vida são mais fortes que nossa decisão de estar também com Deus e com os irmãos. Cativa-nos, Senhor, para buscar-te mais e querer estar com todos.
10ª. Est. – Jesus despojado de suas vestes
– Nossa aparência ajuda a entender o que somos dentro de nós. A aparência de Cristo impressionava. Os inimigos de Cristo quiseram destruir sua imagem tirando-lhe até as vestes. O tesouro que temos no coração tem de ser maior que nossas aparências.

11ª. Est.: – Jesus é pregado na cruz
– Nossa cruz e responsabilidade às vezes ocupam tanto o nosso ser que ficamos presos, quase acomodados, sem ânimo para ir ao encontro dos outros. Liberta-nos, Senhor, das amarras que nos impedem de sair de nós mesmos.

12ª. Est.: – Jesus morre na cruz
– É preciso que morra um só por todos, disse o chefe religioso dos judeus. Eu não quero ser crucificado. Acho que é demais sofrer mais ou ter mais preocupações. Que eu acredite: quem perder sua vida pelos outros vai ganhá-la.

13ª. Est.: – Jesus descido da cruz é colocado nos braços de sua Mãe, Maria
– Não sei avaliar teus sofrimentos, Mãe das Dores. Sonhaste mais aceitação e glorificação de teu Filho. A cruz cravou em teu coração espada de dor indizível. Quero estar contigo unido à tua dor.

14ª. Est.: – Jesus enterrado num sepulcro novo cavado na rocha
– Enquanto a multidão dos acusadores ia embora para suas casas, uma pequena procissão de amigos fiéis, levava o corpo de Cristo para sepultá-lo. Os dias e as tardes de aclamação pelos grandes milagres silenciaram. Poucos seguem de cabeça baixa a aparência de uma derrota social. Cristo, quero seguir-te aonde quer que tu fores. Acredito em tua ressurreição, princípio de uma vida nova para ti e para todos nós.

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!