Destaque Palavra do Bispo

X Assembleia Diocesana de Pastoral, por Dom Paulo Francisco Machado

X Assembleia Diocesana de Pastoral

Por Dom Paulo Francisco Machado
Bispo diocesano de Uberlândia

No dia 25 de agosto do corrente ano, no Colégio Nossa Senhora da Ressurreição, Paróquia de Nossa Senhoras das Dores, representantes de toda a Diocese de Uberlândia, com os seus nove municípios, reuniram-se em Assembleia, após longa preparação e inúmeras reuniões da Comissão Diocesana de Pastoral, para traçar as Diretrizes de nossa Ação Pastoral para o próximo quadriênio, a ser encerrado em 2023.

Estavam presentes cento e oitenta e sete (187) delegados e mais um grande grupo de apoio, perfazendo um total de duzentos e vinte e nove (229) pessoas.

Por sugestão da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil tomamos,  como sempre, as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil 2019-2023 (Documento da CNBB nº 109). Ele parte da imagem da “casa” que ocorre tantas vezes na vida de Jesus e na vida da Igreja nos seus primeiros séculos. A casa, “construção de Deus” (1 Cor3,9) não só nos recorda o espaço da acolhida, da escuta, da festa, do convívio, da ternura; ela é também – eu diria, especialmente – o espaço da assembleia eucarística, quando nos alimentamos do Cristo, Palavra e Pão Sagrado para vivermos sob o impulso do Espírito Santo. Casa também nos recorda o espaço vital, onde se desenvolve a vida de todas as criaturas de Deus que, com senso de responsabilidade, nos comprometemos preservar.

A comunidade eclesial missionária é casa que tem ampla porta a  acolher fraternalmente,  como num lar, os que nutrem a mesma fé, partilham dos mesmos ideais, cantam a um só coração, em uníssono, os louvores do Deus Misericordioso, nosso Criador e Redentor. Ao mesmo tempo, ela se abre para vivermos no nosso pequeno/grande cotidiano uma vida de caridade, santidade e testemunho da missão, a nós confiada por Jesus de levar o Evangelho a todos os povos, anunciar Cristo, Filho de Deus e Salvador.

A comunidade eclesial missionária é casa que possui quatro pilares: 1.“Palavra – Iniciação à vida cristã e animação bíblica; 2. Pão – liturgia e espiritualidade; 3. Caridade – serviço à vida plena; 4. Ação Missionária – estado permanente de missão (cf n8).

Cada um destes pilares foi objeto de reflexão por dois grupos durante a Assembleia. Os três primeiros pilares inspiram-se no conhecido texto de At 2,42: “ Eles eram perseverantes ao ensinamento dos apóstolos, à comunhão fraterna, à fração do pão e às orações”. O último pilar, o da Ação Missionária, responde ao mandato do Senhor: “Ide por todo o mundo, proclamai o Evangelho a toda criatura…” (Mc 16,15); ordem que foi cumprida prontamente pelos apóstolos, por Filipe, pelos cristãos da era apostólica e porque não dizer pelos autênticos cristãos de todos os tempos segundo At 8,40 (“Passando adiante, anunciava o Evangelho a todas as cidades”).

Logo teremos em mãos as nossas novas Diretrizes. Cumpre não só conhecê-las, dedicar a elas boa dose de reflexão e. sobretudo, assumir de maneira comunitária e com entusiasmo sua execução. O padre Márcio Antônio Gonçalves, o novo Coordenador Diocesano de Pastoral, estará conosco auxiliando-nos em nosso ministério sagrado de pastorear as ovelhas de Cristo.

Queira ficar atento. Logo marcaremos uma data para a entrega dos “KITs” com o livrinho das novas Diretrizes.

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!